top of page

Dicas para Adaptação Escolar


Uma mudança de escola é sempre difícil. Por isso, deve ser muito bem planejada pela família. Se possível, o ideal é que a criança ou o adolescente conheçam a escola, os professores e o coordenador antes das aulas começarem. Isso é importante para que eles tenham referências, saibam a quem recorrer caso tenha dúvidas ou problemas. Além disso, é fundamental que eles entendam por que essa mudança está ocorrendo. O melhor é ser transparente e incluir a criança ou o adolescente no processo de escolha do seu novo local de ensino. A equipe pedagógica pode contribuir preparando os outros alunos da turma para a chegada do novo colega.

1 - Como os pais podem ajudar no período de adaptação?

Além de acompanhar os primeiros dias da criança na escola, é importante que a família se envolva, conheça as instalações da escola, os professores, os coordenadores e os pais dos outros alunos. Muitas escolas oferecem atividades de adaptação específicas para os pais (sim, para você também é um período de adaptação). Se for o caso da escola do seu filho, não perca. É uma excelente oportunidade de conhecer os outros pais, o que também facilita a integração das crianças. E, quando as aulas começarem, não bombardeie o seu filho com perguntas. É importante escutar o que ele tem a dizer e perguntar o que aprendeu, mas nunca pressione por respostas.

Psicologia em bangu - adolescentes

A fase de adaptação pode causar diferentes reações conforme a personalidade da criança ou do adolescente. Neste período, o envolvimento dos educadores é muito importante, e os pais devem estar cientes de que elegeram novos parceiros para o desenvolvimento do aluno.

Conforme a criança cresce, a sensação de perda e mudança vai sendo redirecionada e, cada vez mais, com o fortalecimento dos vínculos a criança aprende a lidar melhor com as perdas e ligar-se melhor ao novo contexto.

2 - Como funciona a adaptação com os adolescentes?

Psicologo em bangu - criança e adolescentes

Adolescentes e pré-adolescentes, em geral, tem mais capacidade para compreender a mudança de escola. Mas isso não significa que o processo seja fácil. É nessa fase que acontece o fortalecimento dos laços com os amigos e, consequentemente, o rompimento de relações com os pais, aspectos fundamentais na construção da identidade e da autonomia.

Uma quebra neste processo pode gerar tristeza e ansiedade, deixando os jovens mais rebeldes e desmotivando a irem à escola. Respeitar o espaço do jovem, colocando-se à disposição para ajudá-lo não é simples, mas importante.

3 – Dicas para facilitar o seu processo de adaptação a nova escola

  • Você vai ser o alvo de atenções por um período. Esteja ciente de que todos estarão falando sobre você (não necessariamente de uma maneira ruim). Afinal, você é a novidade, procure se enturmar com os outros alunos.

  • As pessoas farão muitas perguntas. Responda desde que esteja a vontade. Faça você também perguntas sobre a escola e os alunos.

  • As roupas que você veste não necessariamente precisam se enquadrar nas tendências da sua escola! No seu primeiro dia, use roupas que você goste, opte pela simplicidade, você não quer se indispor com alguém só por causa de suas roupas.

  • Mesmo que seja seu primeiro dia, procure conversar com as pessoas, mas evite excessos, ou elas não irão gostar de você.

  • Você precisa se enturmar; mesmo se sentindo estranho no início, continue tentando.

__________________________________________________________________

Assista a Entrevista exibida pela TV Brasil, onde a psicóloga Aryana Florêncio fala sobre a adaptação escolar no momento em que crianças e adolescentes podem estar voltando as aulas em uma nova escola.

A Aliança Espaço Terapêutico oferece tratamento qualificado na abordagem da Terapia Cognitivo Comportamental e Gestalt Terapia com psicólogos em Bangu, temos certeza que podemos lhe ajudar. Entre em contato e agende uma consulta.

87 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page